Tags

, , ,

Nossas democracias são frágeis. Uma farsa que representa a possibilidade de se expressar onde as palavras não tem valor.

Afinal, o medo é quem dita as regras. E o voto, na maioria das vezes, nada mais é do que passar a procuração para quem vai administrar a ordem e o progresso do sistema de corrupção.

Anúncios