Tags

, , , , , , ,

 

Estou indignado desde que assisti a matéria, hoje pela manhã.  Se não você não assistiu veja a matéria e tire suas próprias conclusões:

Já se passaram um ano e quatro meses do episódio e as autoridades baianas não fizeram nada em relação a esta situação?

O Estatuto da criança e do adolescente é claro quando estabelece que “a falta ou a carência de recursos materiais não constitui motivo suficiente para a perda ou a suspensão do pátrio poder poder familiar”

O que faz o Conselho Tutelar da cidade de Monte Santos?

E o Ministério Público do Estado da Bahia?

E a corregedoria do Tribunal de Justiça baiano, já abriu processo para investigar as ações do Juiz Vitor Manoel Xavier Bezerra?

Segundo o atual juiz da Vara de Monte Santo, isto é apenas “um exemplo do que acontece em várias comunidades no sertão da Bahia”.

Pois esta realidade precisa acabar! É preciso exigir que as autoridades cumpram o seu papel e não sejam violadoras de direitos de crianças e adolescentes.

Anúncios